09 abril, 2010

UM POETA PARTIU...


Um poeta partiu...

Não gosto da morte que leva poetas...
É egoismo dos anjos, quererem para si os bardos que aliviam tantas dores e sofrimentos na terra, despertam amores, cantam belezas e enfeitam em flores o cenário da vida.
Resta-nos o consolo de saber que o poeta parte mas deixa gravados os versos que não se apagam com o tempo.
Estes sim, são imortais!!!...Ficam nos livros, nas flores e na melodia do vento a sussurar canções de amor...

Um poeta partiu!...
Hoje tem sarau no céu...Aqui, um momento de silêncio e saudade...

Edson C Contar









Nenhum comentário:

Postar um comentário